Índice de competitividade estadual: fatores (ICE-F). Relatório executivo (2006) (projeto especial)

O Índice de Competitividade Estadual – Fatores (ICE-F), apresentado neste relatório, é resultado de um projeto de cooperação técnico-financeira entre a Fundação de Economia e Estatística Siegfried Emanuel Heuser (FEE) e o Movimento Brasil Competitivo (MBC), instituições que compartilham a responsabilidade técnica sobre os resultados alcançados e divulgados neste relatório. O projeto também conta com o apoio da Secretaria da Coordenação e Planejamento do Estado do Rio Grande do Sul.

Cabe destacar que as primeiras articulações no âmbito do Projeto ICE foram realizadas com um conjunto mais amplo de instituições. Entretanto, as restrições de recursos humanos e financeiros de diversas instituições, bem como as dificuldades operacionais de implementar uma rede de trabalho e de harmonizar diferentes concepções, em alguns casos discordâncias técnicas, se revelaram um sério obstáculo para a eficiência do trabalho de elaboração de um indicador de competitividade estadual num horizonte de tempo razoavelmente aceitável pelo MBC. Desse modo, o MBC optou por uma reestruturação do projeto, definindo um modelo de trabalho mais enxuto com aquelas instituições que poderiam se comprometer, efetivamente, com o projeto, disponibilizando os recursos humanos e financeiros necessários para se desenvolver o índice de competitividade estadual.

Download do texto completo